Boletim Seridoense - Cultura, política e comportamento. Colaboracoes sao benvindas. e-mail: dedeabel@msn.com


12/11/2007


Especialistas criticam aprovação de 316 mil

Especialistas criticam aprovação de 316 mil

Mesmo professores de administração pública que defendem aumento do funcionalismo dizem que concurso da Chesf é ruim

"Isso não tem a menor lógica", afirma especialista da FGV; "fazer essa coisa absurda não leva a nada", declara professor da UnB

LEANDRO BEGUOCI
DA REPORTAGEM LOCAL

O concurso da Chesf (Companhia Hidrelétrica do São Francisco) deu um susto em especialistas em administração pública e reacendeu a discussão sobre a necessidade de contratar ou não mais servidores para as estatais.

Todos pediam para a reportagem repetir o número de aprovados e, apesar das diferenças entre eles, afirmaram: 316 mil pessoas para cadastro de reserva mostra incompetência e reforça a idéia de que o Estado, incluindo suas empresas, engatinha no processo de modernização da gestão.
"Isso não tem a menor lógica", afirma Nelson Marconi, especialista em administração pública e professor da FGV. "Cria uma falsa expectativa, jamais a companhia vai contratar tantas pessoas." Ele trabalhou com o ministro Luiz Carlos Bresser-Pereira na pasta da Administração Federal e Reforma do Estado, durante o primeiro mandato de Fernando Henrique Cardoso (1995-1998).
O objetivo do ministério foi, segundo Bresser, aumentar a eficiência do Estado por meio de uma "reforma gerencial". Isso significa, em linhas gerais, contratar funcionários públicos de nível superior, criando uma burocracia qualificada e bem paga, e cortar despesas com pessoal em outras áreas.

Os cargos de nível médio, como auxiliares administrativos, seriam preenchidos por empregados terceirizados -sem os mesmos direitos do funcionalismo público, como a estabilidade no emprego. Nas empresas estatais (Petrobras e Chesf, por exemplo), a maior parte das contratações é por concurso, pela CLT. Ao longo dos anos, contudo, a estabilidade virou costume nessas companhias.
Bresser não quis comentar o caso Chesf. A especialidade dele é a administração direta. O ex-ministro ressaltou que o governo do presidente Lula, embora lento, segue a reforma iniciada sob FHC.
"O governo Lula está fazendo devagar, mas está fazendo. Não dá para engavetar. No mundo todo os governos buscam ser mais eficientes", afirma.

Uma das medidas do PAC (Plano de Aceleração do Crescimento) enviadas à Câmara pelo governo federal limita os gastos com pessoal. Nos últimos anos, o Planalto teve de ceder a pressões do Ministério Público e abrir concurso para substituir os terceirizados no governo FHC por servidores.
Marconi afirma que um passo importante a ser dado pelo governo é regulamentar a avaliação de desempenho dos funcionários públicos, medida parada desde o governo FHC.

Contratar mais
No começo de outubro, o presidente Lula afirmou que choque de gestão é contratar mais funcionários públicos porque o Estado não teria, hoje, capacidade de atender a população como deveria.
José Matias Pereira, professor da pós-graduação em administração pública da UnB, concorda com Lula. "No governo FHC, algumas áreas foram privilegiadas e outras, esvaziadas. Lula está contratando, mas ainda não está no patamar necessário para o país."

Matias afirma que o Brasil tem pouco mais de seis funcionários públicos para cada cem pessoas. Nos EUA, esse número sobe para 18. Na Europa, a média é de 25 servidores para cada 100 cidadãos. "Não é inchar o Estado, e sim discutir o que está faltando."
Matias também critica o concurso da Chesf. "A administração pública tem que trabalhar com métodos da racionalidade privada", afirma. "Fazer essa coisa absurda não leva a nada e prejudica a imagem do Estado."
O professor Frederico Lustosa, coordenador do Programa de Estudos em Reforma do Estado e Governança da FGV, concorda com Matias: é preciso contratar mais gente e o processo da Chesf é ruim.
"É um processo muito mal feito", afirma ele. "Mas é bom dizer que não terá impacto nas finanças públicas, porque é um cadastro de reserva."

Escrito por dedeabel às 22h26
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Engenheiro troca multinacional por emprego público

Engenheiro troca multinacional por emprego público

FÁBIO GUIBU
DA AGÊNCIA FOLHA, EM RECIFE

O sonho da estabilidade de emprego no serviço público levou o engenheiro mecânico César Rego Ambrósio, 31, a abrir mão, no início do ano, de quatro anos de trabalho em uma metalúrgica multinacional para se dedicar aos concursos públicos. Dos quatro exames que realizou desde então, foi aprovado em dois, entre eles no da Chesf (Companhia Hidrelétrica do São Francisco). Até agora, porém, ninguém o chamou.
Ambrósio é o 66º colocado na lista de espera da Chesf para o cargo de engenheiro mecânico em Recife (PE), onde mora. Ele diz que, ao se inscrever, sabia que o objeto do concurso era a formação de um cadastro de reserva. Mas afirmou que se assustou ao ver o resultado no "Diário Oficial" da União. "Tinha tanta página, tanto nome, que foi difícil achar o meu."

O engenheiro diz, entretanto, ter esperança de ser convocado, pois considera sua colocação "boa". Sua expectativa é de que as vagas apareçam com a aposentadoria dos servidores antigos e a eventual implantação de um plano de demissão voluntária pela estatal.
Ambrósio diz que não se arrepende da decisão de deixar o emprego para buscar uma vaga no serviço público. "Foi uma coisa pensada", afirmou. No último ano na iniciativa privada, o engenheiro juntou dinheiro para se manter durante o período de transição. Seu plano é assumir a vaga de escrivão da Polícia Civil de Pernambuco, que conquistou em outro concurso, enquanto espera pela convocação da Chesf.

Escrito por dedeabel às 22h22
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Liberdade de expressão

RUY CASTRO

Liberdade de expressão

RIO DE JANEIRO - "Peanuts", de Charles Schulz, foi a primeira tira explicitamente "cabeça" dos quadrinhos. Não por acaso, seus personagens -Charlie Brown, Lucy, Linus, Schroeder- têm uma cabeça enorme e problemas que nunca passariam perto de Bolinha e Luluzinha. O próprio cão Snoopy está para Pluto, de Walt Disney, como Albert Camus estaria para o querido Obina, do Flamengo.
Todo mundo em "Peanuts" é depressivo, ansioso, frustrado, cheio de melindres, cruel ou apenas inseguro. Essas características eram um reflexo do próprio Schulz, um cartunista que expressou os sentimentos de milhões nos anos 60 e 70, ficou multimilionário com isso e -sabe-se agora- continuou depressivo, ansioso, frustrado, cheio de melindres etc.
É o que se lê em sua biografia, "Schulz and Peanuts", pelo respeitado David Michaelis, recém-lançada nos EUA. Michaelis teve todo o apoio da família Schulz.

Os filhos do cartunista lhe abriram seus arquivos, gavetas e memórias. Publicado o livro, eles o detestaram.
"Estamos decepcionados", disse Monte Schulz, o filho mais velho. "Não reconhecemos nosso pai. Ele não era melancólico, angustiado, frio ou rancoroso como David o descreveu. Para que seu personagem fizesse sentido, David omitiu histórias que o mostravam como um pai alegre, carinhoso e participante". Michaelis se defende: "Este foi o Schulz que encontrei".
Notar que Monte chama o biógrafo de "David", não de "sr. Michaelis" ou de "aquele cretino". Disse também que nem lhe passa pela cabeça processar o escritor: "David tem o direito, garantido pela Constituição, de escrever o que quiser". Acredite ou não, a Constituição dos EUA é assim: contém um artigo que garante a liberdade de expressão, sem dar margem a ambigüidades, e revoga as disposições em contrário.

Escrito por dedeabel às 22h18
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Rogéria e Jessica

FERNANDO DE BARROS E SILVA

 

SÃO PAULO - A semana foi do petróleo, mas duas fotos chamaram atenção: 1. A do travesti Rogéria seminu (ou seminua, como queiram), o que provocou o cancelamento da exposição do fotógrafo Luiz Garrido no Salão Negro da Câmara; 2. A da garota Jessica, presa com outros oito jovens da zona Sul carioca, acusados de formar uma quadrilha de "elite" de traficantes de ecstasy.
São imagens distintas e histórias de relevância desigual, mas juntas dizem algo sobre o "zeitgeist" (o espírito do tempo) do Brasil atual.
Invocou-se na Câmara, para censurar o retrato de Rogéria, o dever de preservar a criança e o adolescente de "tratamento desumano, violento, aterrorizante, vexatório ou constrangedor". Ora, aplicada a lei, a maioria dos ilustres congressistas estaria vetada para visitação, de crianças ou de marmanjos.

A foto de Rogéria sugere uma irreverência quase "naïve", nada tem de chocante ou vexatório e exibe de modo discreto parte daqueles pêlos que, como canta Chico Buarque, só a bailarina que não tem.
O excesso de moralismo ocupa o lugar da falta de moralidade. É o caso de parafrasear Theodor Adorno: o Congresso é permissivo no trato da verba pública e pudico com os costumes; o contrário seria melhor.
O estatuto do adolescente não vale mais para Jessica, 18 anos. Todos os grandes jornais a estamparam algemada, inclusive a Folha. "A bela do tráfico", carimbou um deles.

A mídia alimenta e satisfaz as perversões consentidas pela "sociedade do espetáculo". E, ao expor -aí sim- a garota a abusos de tratamento violento e desumano, ainda ajuda a criar a ilusão de que a lei é igual para todos. Não é. Pobre ou preta, Jessica teria direito às algemas, não à foto na capa: estaria no porão, sob os cuidados de praxe da polícia. O caso e sua cobertura pela mídia são sintoma de regressão social, nunca de avanço democrático.
A proibição de uma imagem e a hiperexposição da outra traduzem um momento do país. E vem referendar as taras conservadoras dos "homens de bem".

Escrito por dedeabel às 22h16
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Monopólio prejudica futebol, diz Flamengo

Outro Canal

Daniel Castro - dcastro@folhasp.com.br




Monopólio prejudica futebol, diz Flamengo

Pesquisa feita pelo Flamengo, clube mais popular do país, conclui que o modelo brasileiro de negociação dos direitos de futebol, baseado no "monopólio" da Globo, "prejudicou o crescimento da receita" dos times, pois privilegiou a TV aberta em detrimento de outras janelas (TV paga e pay-per-view).

O documento é assinado por Leonardo Ribeiro, presidente do conselho fiscal do Flamengo. Foi distribuído aos principais clubes do país.
O estudo mostra como funciona a relação entre TV e futebol na Europa e propõe, a partir de 2009, a adoção de leilões.
Sugere que, para a TV aberta, a Série A do Brasileiro seja dividida em dois pacotes de 38 jogos. Cada pacote iria a leilão por R$ 300 milhões. Neste ano, informa, a TV aberta transmitirá 114 jogos por R$ 160 milhões.

Em outras palavras, o modelo proposto reduz em um quarto o número de jogos na TV aberta (para valorizar a TV paga e o pay-per-view) e aumenta os direitos em quase quatro vezes. Além disso, possibilitaria que a Record comprasse um dos pacotes leiloados e exibisse jogos exclusivos do Brasileiro.
A Globo diz que o trabalho "foi elaborado a partir de premissas equivocadas, tendo se utilizado de números de transmissões e valores que não correspondem à realidade". Afirma também que "o estudo não representa a opinião do Flamengo, já que foi criticado dentro do próprio clube".

Escrito por dedeabel às 22h13
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Aguinaldo Silva diz que está sendo ameaçado

Aguinaldo Silva diz que está sendo ameaçado

Para autor, novela das oito "provoca muita gente"

DANIEL CASTRO
COLUNISTA DA FOLHA

O escritor Aguinaldo Silva diz que tem recebido ameaças por telefone desde que a atual novela das oito da Globo, "Duas Caras", estreou, há 42 dias. A novela trata de temas como racismo e invasão de terras.
No telefonema mais ameaçador, o interlocutor disse ao autor que ele iria "amanhecer com a boca cheia de formigas". Em algumas ligações, o interlocutor não disse nada. Em outras, houve insultos de cunho sexual (Silva é homossexual) e racial (ele foi chamado de "sarará").

As ligações sempre partiram de telefones públicos ou de celulares que não permitem ao aparelho receptor identificar quem está telefonando.
"Neste momento, eu sinto medo e tenho sérias razões pra isso. A julgar pelo que dizem os telefonemas disparados dos tais celulares com IDs privados, por motivos alheios à minha vontade, posso até nem terminar a novela "Duas Caras", que tanta discussão está gerando. Se eu parar, não será por minha própria vontade", escreveu Silva em seu blog.

O autor diz que não acredita que as ameaças sejam "sérias". Decidiu expô-las em seu blog na esperança de que elas cessem. Se isso não ocorrer, afirma que irá à polícia e usar recursos para identificar de onde estão partindo os telefonemas.
"As ligações são diárias. Em alguns dias, ligam dez vezes", disse à Folha. "Não acho que [as ameaças] sejam coisa de política. A novela mexe com um monte de coisas, provoca muita gente. Acho que são freaks que estão ligando, pessoas que querem me desestabilizar porque estou com uma novela das oito no ar", afirmou.

Escrito por dedeabel às 22h11
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Corintianos festejam

Antônio Gaudério/Folha Imagem
Corintianos festejam com Felipe a defesa do pênalti em Goiás

Escrito por dedeabel às 22h08
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

11/11/2007


FORMACAO DO SISTEMA NACIONAL DE DEFESA DO CONSUMIDOR

Livros Jurídicos

Formação do Sistema Nacional de Defesa do Consumidor
MARCELO GOMES SODRÉ
Editora:
Revista dos Tribunais (0800-702-2433) Quanto: R$ 58 (302 págs.)
Com experiência administrativa e profissional, Marcelo Sodré produziu tese no doutoramento da PUC/SP, em exame denso e inovador. Para ele, num país não-desenvolvido, "como é o caso do Brasil, a presença do Estado é absolutamente necessária para a formulação e implementação das políticas públicas". Faz história com nossas fases de formação da sociedade de consumo e da legislação do consumidor. Põe em questão o Sistema Nacional de Defesa do Consumidor e completa seu percurso com a síntese das dificuldades para a formação do mesmo sistema, com seus conflitos horizontais e verticais no exercício do poder de polícia administrativo.

A Imunidade de Jurisdição dos Organismos Internacionais e os Direitos Humanos
RUBENS CURADO SILVEIRA
Editora:
LTr (0/xx/11/3101-9775) Quanto: R$ 35 (175 págs.)
Livro desenvolvido no mestrado da Faculdade de Direito da UnB, se dispôs a uma "análise teórica e jurisprudencial sob o prisma dos direitos humanos", que distingue entre os proclamados e os garantidos. Aponta a falta de "novos métodos hermenêuticas, em que a visão estática é parcialmente superada por uma análise dos direitos em colisão". Antonio Augusto Cançado Trindade, ao apresentar o livro, destaca a contribuição pioneira do escritor, contra "o hermetismo da maior parte dos operadores do direito em nosso país", enfocando a jurisdição de organismos internacionais.

Tratado de Versalhes na História do Direito Internacional
PAULO BORBA CASELLA
Editora:
Quartier Latin (0/xx/11/3101-5780) Quanto: R$ 58 (290 págs.)
Este volume reúne material de estudo e verificação de um dos mais importantes documentos do direito internacional moderno.

Revisão dos Contratos
LAURA CORADINI FRANTZ
Editora:
Saraiva (0/xx/11/3613-3344) Quanto: R$ 49 (212 págs.)
Em duas partes, esta dissertação de mestrado dá os paradigmas da teoria da imprevisão e opções da codificação brasileira.

Código de Defesa do Consumidor Comentado GISELE DE LOURDES FRISO
Editora:
Primeira Impressão (0/xx/11/ 3151-4480) Quanto: R$ 298,80 (1.504 págs.)
Cada artigo é enunciado, seguido por remissões legislativas, súmulas e jurisprudência, com peças processuais e doutrina complementar.

A Lei Maria da Penha na Justiça
MARIA BERENICE DIAS
Editora:
Revista dos Tribunais Quanto: R$ 28 (160 págs.)
A mais atenta observadora do tema vê a efetividade da Lei n. 11.340/06 em face da violência contra a mulher.

Ato de Improbidade Administrativa
MATEUS BERTONCINI
Editora:
Revista dos Tribunais Quanto: R$ 46 (270 págs.)
A partir da Lei n. 8.429/92 a obra percorre em profundidade a questão do título até uma nova concepção da improbidade administrativa.

Temas Atuais do Direito Penal
ANTONIO BAPTISTA GONÇALVES
Editora:
Quartier Latin Quanto: R$ 51 (247 págs.)
O advogado autor reúne ensaios sobre temas atuais, em várias áreas do direito, com opiniões firmes e bibliografia.

Reflexões sobre Direito Internacional e Relações Internacionais
ADHERBAL MEIRA MATTOS
Editora:
Quartier Latin Quanto: R$ 37 (143 págs.)
O escritor reuniu estudos que percorrem campo extenso, da ONU e do terrorismo, de soberania à Amazônia brasileira.

A Réplica no Processo Civil Brasileiro
FERNANDO NEVES CASTELA
Editora:
Edipro (0/xx/11/3107-4788) Quanto: R$ 29 (144 págs.)
Centrado na réplica, o texto situa princípios processuais na Constituição, hipóteses de cabimentos e prazos.

Categoria: Direito
Escrito por dedeabel às 23h48
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

PRESIDENTES ECOLOGICOS

Jorge Araújo/Folha Imagem
Presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Evo Morales, da Bolívia, plantam árvores, em Santiago, durante a Cúpula Ibero-Americana

Escrito por dedeabel às 23h46
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

TIM MAIA

Derly Marques/Folha Imagem
O cantor e compositor Tim Maia, durante show em 1982

Escrito por dedeabel às 23h43
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

MUSEU DE HISTORIA NATURAL, PARIS

Philippe Renault/Hemis.fr
A Grande Galeria da Evolução, no Museu de História Natural de Paris, local onde trabalhou Jean-Baptiste Lamarck

Escrito por dedeabel às 23h37
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

FUNCIONAMENTO DA ILHA DE SANTANA

Uma analise superficial da economia do Serido atesta que o progresso é lento. O funcionamento da Ilha de Sant'Ana é uma incógnita. O dilema é: quem a manterá? O poder publico ou privado? Alguns, sensatamente, defendem: "A sustentacao da Ilha deverá ser através de uma parceria publico privada".  O custo de manutencao do complexo é elevado. Se entregue a iniciativa privada, tudo poderá ser cobrado. Estacionamento, segurança, etc. A viabilidade do projeto exige competência e ainda nao foi posto à prova.  Quando será? Daqui para o ano que vem, na eleicao?

Sinais de mudança acontecem. E Alguns sinais sao mensagens claras. Os hoteis em Caico. O Regente hotel transformou-se num empreendimento misto. Onde funcionava o restaurante foram abertas lojas no pavimento terreo. O Hotel Vila do Principe transformou-se no Centro Administrativo Municipal. O Corintians transformou-se num elefante branco. Pouca ou nenhuma serventia. O Caico Iate Club funciona parcialmente. O Caico Esporte Club ensaiou uma reacao, quis construir uma nova sede, recomeçar. Mas nao consegue.  E somente no Carnaval e Festa de Sant'Ana há uma mobilizaçao concreta, significativa, desses sodalícios.

E a Ilha? Terá o sucesso esperado, planejado? Vemos um litoral, nossa Capital, com um desenvolvimento acima da média nacional. E nosso interior, estagnado. Nao consegue crescer. Estamos com dificuldades de toda ordem. Juros altos, falta de investimentos, nao ha geracao de emprego e renda necessarios a alavancagem dos empreendimentos. A Ilha de Sant'Ana conseguirá o resultado esperado ou funcionará somente na Festa de Santana e no Carnaval? O tempo nos dirá. Concordo com meu amigo Professor Deodato: a saída é uma parceria público privada. Unamos as forças e torçamos por um bom resultado.

Escrito por dedeabel às 20h56
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

"Petralhas" versus membros do "PIG" (Partido da Imprensa Golpista)

Blogs políticos encenam nova "Guerra Fria"

Blogosfera vira abrigo de discursos inflamados e revive visão dicotômica entre esquerda e direita, "golpistas" e "chapas-brancas'

"Cada vírgula tem um alvo", diz Paulo Henrique Amorim; para Marcelo Coelho, nos blogs as pessoas se sentem mais livres para sectarismos

UIRÁ MACHADO
COORDENADOR DE ARTIGOS E EVENTOS

FERNANDO BARROS DE MELLO
DA REDAÇÃO

A Guerra Fria desapareceu com o Muro de Berlim, mas, guardadas as proporções, há uma encenação dela na blogosfera do país. Na guerra retórica que se trava no espaço virtual, ninguém corre o risco de morrer de verdade. Nem de tédio.
Cerca de 9 milhões de pessoas acessaram algum blog no Brasil em setembro. É um universo em expansão, mas pulverizado. Estima-se que existam 111 milhões de blogs no mundo (leia texto ao lado). Nessa constelação virtualmente infinita, ganharam projeção blogs políticos inflamados no estilo.

"Petralhas" versus membros do "PIG" (Partido da Imprensa Golpista); "chapas-brancas" versus "golpistas". É assim que parte da blogosfera divide a disputa política brasileira.
"Quando a gente senta no computador para escrever, é como se estivesse apertando aqueles botões que disparam mísseis", diz Paulo Henrique Amorim, do blog "Conversa Afiada". "Cada vírgula minha tem um alvo", completa, dizendo que a atuação no blog "é um exercício de pancadaria verbal, de pancadaria ideológica".
Além do PIG, Amorim gosta de recorrer ao IVDL -Índice Vamos Derrubar o Lula, pelo qual ele mede o nível de "golpismo" na mídia em geral.

Em suas "máximas e mínimas", já chamou o ex-ditador chileno Augusto Pinochet de "o santo padroeiro de quem não quer a CPMF".
Amorim prefere não nomear seus inimigos. Mas ele é um "chapa-branca". Pelo menos para o jornalista Reinaldo Azevedo, hospedado no site da revista "Veja". "Há uma reunião de golpistas. (...) Vamos depor Lula hoje à noite", disse Azevedo, em tom jocoso, às 14:29h da última segunda-feira. Duas horas depois, informou que a reunião conspiratória com os amigos fora cancelada.
Ele receberia o colunista da revista Diogo Mainardi, que viajava a São Paulo para gravar um programa de TV, no qual falaria sobre seu novo livro: "Lula é Minha Anta" (Record).

"Apedeuta"
Em seu blog, Reinaldo Azevedo não vive sem provocar polêmicas. Entre suas expressões favoritas estão "chutar o traseiro dos adversários" e "petralha", neologismo que diz ser "a variação petista dos "Irmãos Metralha": sempre de olho na caixa-forte". A palavra campeã de audiência é a usada para se referir ao presidente Lula: "apedeuta" (pessoa sem instrução, ignorante). Azevedo não quis conceder entrevista à Folha. Alegou já estar "exposto demais" fora do blog.

Com uma linguagem que vai do bem-humorado deboche ao tom ácido e raivoso, os personagens contundentes da blogosfera ganham espaço e formam um público com leitores tão fiéis quanto ferozes são os inimigos -que pedem, entre outras coisas, até suas mortes.
Para Marcelo Coelho, colunista da Folha e também blogueiro, "os blogs tendem a refletir com menos filtros as opiniões mais correntes. As pessoas se sentem mais livres para sectarismos, racismo, apoio a execuções de criminosos etc".

Ele se refere também aos leitores que deixam seus comentários, quase sempre politicamente exaltados. Para Coelho, "a esfera pública e a política parecem estar num certo descompasso. Há uma sociedade civil da internet que se politiza muito rapidamente e uma sociedade política que não está vivendo uma momento de especial vivacidade".
Ele diz ser "muito claro que os blogs de sucesso vão criando seu próprio vocabulário e seus próprios seguidores". Um leitor escreveu no blog de Azevedo: "O nojento Paulo Henrique Amorim (...) essa besta lulista". E, no blog de Amorim, outro leitor: "Acho que o presidente eleito pelo PIG estava apenas fazendo trololó na Suíça por oito dias", sobre o governador de São Paulo, José Serra (PSDB).

Direita versus esquerda
A blogosfera também é marcada por contradições. Enquanto Amorim acusa a imprensa de conservadora, o filósofo Olavo de Carvalho diz que ela é de esquerda. Ele criou há quatro anos o site Mídia Sem Máscara, que reúne articulistas conservadores.
"Na mídia brasileira, as idéias que provêm da esquerda ocupam 98% do espaço. As idéias conservadoras mesmo, além de terem um espaço menor, são praticamente criminalizadas", diz Carvalho. "O outro lado tem dinheiro. A turma da direita não tem dinheiro nenhum."

Já Luis Nassif, ex-colunista da Folha e hoje no blog "Projeto Brasil", diz que os leitores favoráveis a Lula ficaram órfãos e buscam abrigo na internet. "Na blogosfera ocorreu uma radicalização política incrível, com a volta de velhos clichês dos tempos da Guerra Fria, o anticomunismo embolorado de um lado, o estatismo do outro. Isso faz parte de um fenômeno mais amplo de perda de rumo".
Ao lado de Amorim, Nassif é um dos principais nomes do portal IG. Segundo Caique Severo, diretor de Conteúdo, a área dos blogs está "em construção e se pretende pluralista". O IG "não divulga nem a audiência nem os detalhes dos contratos com os blogueiros".

Os "inimigos" criticam o portal porque ele tem como acionista a BrT (Brasil Telecom), empresa controlada, entre outros, por fundos de pensão de estatais. Prato cheio para o ataque: "é chapa-branca".
Amorim rebate: "Não tem dinheiro público. A BrT é a principal acionista do IG e é uma empresa que está na Bolsa. Compra ação da BrT na Bolsa. Qual o problema? [O IG] é o portal mais democrático".

Escrito por dedeabel às 20h21
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

O QUE FAZ O TCU?

Titulares do TCU têm emprego vitalício e salário de R$ 23,2 mil

Tribunal deve apreciar contas do Executivo, mas quem as julga é o Congresso

FERNANDO FERNANDES JR.
DA REDAÇÃO

Emprego vitalício, aposentadoria e salário mensal de R$ 23,2 mil. Isso é o que espera quem consegue uma das nove vagas de ministro do TCU (Tribunal de Contas da União), um dos cargos mais cobiçados de Brasília. Para ser ministro, a pessoa precisa ser brasileira, ter entre 35 e 65 anos, idoneidade moral e reputação ilibada, notório conhecimento e experiência jurídicas, contábeis, econômicas e financeiras ou de administração pública e ser indicada pelo presidente da República ou pelo Congresso.
A aposentadoria é compulsória aos 70 anos e o salário é igual ao dos ministros do STJ (Superior Tribunal de Justiça).

O TCU no Brasil foi criado com a Constituição de 1891, mas passou a funcionar em 1893. No entanto, o funcionamento do TCU como fiscalizador durou pouco. Ainda em 1893, o então presidente, marechal Floriano Peixoto, entrou em conflito com o tribunal. A rejeição pelo TCU da indicação de um parente do presidente anterior, marechal Deodoro da Fonseca, para o cargo de ministro da entidade, foi o estopim para a modificação do órgão. O importante era que não havia vaga aberta no TCU, e Floriano mandou que o órgão criasse uma vaga. Floriano restringiu o papel do TCU impedindo o órgão de fiscalizar o Executivo.

O TCU sobrevive no Brasil ganhando poderes de fiscalização durante os períodos democráticos e perdendo nos autoritários. O papel fiscalizador do TCU volta com a Constituição de 1988. Entre elas, a principal é apreciar as as contas anuais do presidente da República. O TCU, nesse caso, não julga, mas apenas elabora pareceres: cabe ao Congresso aprovar ou não.

A Constituição estipula também que compete ao TCU julgar as contas dos administradores públicos. Além disso, o TCU deve realizar inspeções e auditorias por iniciativa própria ou por solicitação do Congresso, fiscalizar a aplicação de recursos da União repassados a Estados e a municípios, apurar denúncias, fixar os coeficientes dos fundos de participação dos Estados e dos municípios e fiscalizar a entrega dos recursos. As decisões do TCU podem suspender contratos -neste caso o órgão pede que o Congresso ou o Executivo paralise, caso isso não ocorra em 90 dias, a entidade pode suspender-, aplicar multas e exigir ressarcimento de verbas.

Pelo mundo, os órgãos se dividem em dois tipos: controladorias e tribunais de contas. As controladorias funcionam como órgãos de auditoria cujas funções são centralizadas na figura de um controlador-geral, a quem cabe toda a responsabilidade sobre a tomada de decisões. Os Estados Unidos são um exemplo desse tipo. O GAO (General Accounting Office) é dirigido por um auditor-geral, com mandato de 15 anos, cuja indicação é de responsabilidade do Executivo, com referendo do Legislativo.

No caso da auditoria, o objetivo é averiguar se as atividades do governo estão de acordo com o planejado e estabelecido previamente e se estas foram implementadas com eficácia. Os tribunais de contas, diferente das controladorias, têm a apenas a preocupação de verificar se os gastos efetuados foram a legais.

Categoria: Direito
Escrito por dedeabel às 20h15
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

CASO DE IMPEDIMENTO?

 

Ministro e irmãos advogados "partilham" processos no TCU

Irmãos de Valmir Campelo criaram escritório de advocacia no ano em que ele assumiu

Eles representaram clientes, inclusive empreiteiras, em 42 acórdãos do tribunal; em 40, Campelo se declarou impedido ou deixou a sala

RUBENS VALENTE
ENVIADO ESPECIAL A BRASÍLIA

Na sala em que recebe seus clientes em Brasília, o advogado João Estênio Campelo Bezerra, 59, exibe uma fotografia tirada durante uma recente viagem a Paris. Com a torre Eiffel ao fundo, aparece abraçado ao seu irmão, o ministro do TCU (Tribunal de Contas da União) Valmir Campelo, 63, ex-deputado federal, ex-senador pelo PTB do Distrito Federal e presidente do tribunal entre 2002 e 2004.

Estênio, co-fundador do PTB, é especializado em direito trabalhista. Diz que advoga há 33 anos. Em 1997, no ano em que o irmão tornou-se ministro do TCU, numa vaga indicada pelo Congresso, Estênio fundou com a irmã Teresa Amaro a empresa "Campelo Bezerra Advogados Associados".

(...)

"O certo é o seguinte: aqui em Brasília há muitos anos que se faz isso, tenho vários colegas que atuam como [advogados], são filhos de ministros, irmãos de ministros. Isso aqui em Brasília tem várias pessoas", afirmou o advogado João Estênio.
A Folha localizou apenas mais um caso no TCU. O filho do ministro Aroldo Cedraz, Tiago, aparece como parte num processo de 2007 - seu pai declarou-se impedido de votar. O ministro, ex-deputado, informou, por meio da assessoria, que "fez um acordo com seu filho para que ele não mais atue no TCU" desde quando tomou posse no tribunal.

Escrito por dedeabel às 20h11
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

PROJETOS PARA O SERIDO DEPENDEM DA TRANSPOSICAO

Radio Rural AM

Programa “Pra Frente Serido” – Com Robson Pires e Chico Gregório

Entrevistada: Deputada Federal Fátima Bezerra

presentes nos estúdios, dentre outros simpatizantes do PT:

Gilberto Costa – Presidente do Diretório do PT

Temas tratados no programa

 

Inauguração da Ponte de Jucurutu (Presença de Alfredo Nascimento - Ministro dos Transportes, que eh nosso conterraneo) - A deputada Fatima Bezerra afirma que a ponte foi uma conquista do governo Lula e Vilma.   

 

A deputada afirmou que naquela oportunidade, eram três as prioridades no RN, (falando de estrutura rodoviária no RN):

  1. Viaduto de Ponta Negra
  2. Rodovia Ponte Apodi-Mossoro
  3. Rodovia Ponte Jucurutu

Boas noticias para o Serid'o:

Emendas asseguradas no OGU – 2008 Orcamento Geral da União – PAC 2008

R$ 2.900.000,00 – Contorno rodoviário em Caico

R$ 2.900.000,00 – Contorno rodoviário em Currais Novos

 

Deputada Fatima Bezerra admite que ouve empenho do Dep João Maia.

 

O tema mais importante neste momento de verao, em que a agua torna-se a prioridade numero um.

 

Barragem de Oiticica, ainda um sonho a sustentabilidade hídrica do Sertao

Questões emperram a liberação dos recursos – TCU – obras pendentes – pendências legais exigidas por lei. Os municipios beneficiados com a construcao da barragem. Todos deverao estar em situacao fiscal regular perante as obrigacoes impostas pela lei. Alguns municipios nao cumpriram todas as etapas exigidas pelo TCU. E a barragem de Oiticica nao saiu do papel.

 

Dep Fátima Bezerra destacou, ainda, que precisamos nos dedicar ao estudo do Projeto de Transposição do São Francisco. Ela explicou  as emendas do RN, na rubrica Sustentabilidade hídrica, e' de R$ 120.000.00,00.

 

Ora, como a obra da B. Oiticica exigirah recursos da ordem de R$ 150.000.000,00, não seria possível conclui-la, mesmo que todas as 18 emendas direcionassem os recursos para a B. Oiticica.

 

Portanto, a Barragem da Oiticica depende da Transposição do Rio São Francisco para sua viabilizacao.  Transposição do Rio São Francisco trará no seu bojo uma verdadeira revolução:

  1. regularização fundiária – o governo devera destinar áreas para assentamentos dos pequenos produtores – a pressão sobre o preço dos alimentos nas grandes capitais nordestinas diminuiria com a desconcentração das áreas de produção. A qualidade de vida dara um salto qualitativo inimaginável.
  2. o saneamento ambiental

 

Conclusao desse blogueiro:

A Barragem de Oiticica ainda eh um sonho. Temos duas opcoes: acreditar ou nao acreditar na Transposicao do Sao Francisco. Muitos sao contra. O tema é polêmico. Jornais dos Diarios Associados, o Diario de Pernambuco, o Correio Brasiliense e o Diario do Nordeste promoverao debates sobre o tema. Os jornais tem um alcance social muito grande. Sao veiculos que esclarecem as questoes em torno do projeto. Sinto que o Brasil rico, o Sul e Sudeste, torcem contra.

 

Aqui no Rio Grande do Norte há uma forte oposiçao academica encabeçada pelo professor Joao Abner. A minha opiniao é favoravel, embora saiba que a oposicao ao projeto é muito forte. Há muito o que fazer.

 

Primeiro, garantir que os recursos sejam corretamente aplicados. 

 

Segundo, assegurar o participacao de pequenos produtores como afirmou a deputada Fatima Bezerra, mantendo o sonho de justica social.

 

Terceiro, mostrar a opiniao publica que o projeto é viável e que possibilita a fixacao do homem no campo.

 

 

 

BLOG DE MARCOS DANTAS:

 

Governo fará licitação internacional para a construção da Barragem das Oiticicas

Em entrevista a Rádio Caicó AM nesta manhã de sexta (09), o vice-governador e secretário de Recursos Hídricos do RN, Iberê Ferreira (PSB), confirmou que o assunto Barragem das Oiticicas foi uma das principais pautas da reunião da Bancada Federal, esta semana em Brasília. "O projeto já foi reformulado, já foi contratada nova empresa gerenciadora, mas a licitação ainda vai ser feita", garantiu Iberê.

O vice-governador, que estava acompanhando a visita do Secretário Nacional de Recursos Hídricos do Governo Lula, Luciano Zica, ao Assentamento Seridó (São José do Seridó), disse que o processo caminha para uma definição, e que por se tratar de uma obra de alto valor financeiro, será através de uma licitação internacional. "Eu cancelei a licitação a uns três meses atrás, e estamos preparando o edital porque vai ser uma licitação internacional pelo valor da obra. E já conversamos com a bancada. A governadora esteve também esta semana em Brasília, e a bancada vai apresentar uma das emendas de bancada para a Barragem das Oiticicas", finalizou.

Escrito por dedeabel às 19h49
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

08/11/2007


COMO ANDA NOSSA JUSTIÇA?

Liminar

Papinho animado na calçada do Cova da Onça, falava-se ontem sobre essas coisas que acontecem no Judiciário brasileiro, até por conta desse processo envolvendo o deputado Ronaldo Cunha Lima. Aí  alguém meteu a colher na panela e fez a pergunta: “Vocês sabem quantos liminares estão penduradas no Tribunal de Justiça do Estado e no Tribunal Regional Eleitoral e há quanto tempo?

Ninguém soube responder e o mestre Gaspar, atento à conversa,  emendou uma outra pergunta: “O que é liminar?”

Categoria: Direito
Escrito por dedeabel às 18h10
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

07/11/2007


NOTICIA BOA: CEFET EM CAICO 2008

BLOGS SERIDOENSES NOTICIAM QUE ESTÁ ASSEGURADA A CONSTRUCAO DE UMA ESCOLA TECNICA EM CAICO. A DEPUTADA FATIMA BEZERRA LIDERA OS ESFORCOS PARA QUE SE CONCRETIZEM OS PROJETOS.

 

Escrito por dedeabel às 23h12
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

0S 400 ANOS DE PADRE ANTONIO VIEIRA

Os 400 anos do padre Vieira

ARNALDO NISKIER


É um excelente pretexto para resgatar textos inéditos da obra desse grande orador, além da realização de eventos alusivos ao fato



EM SESSÃO da Academia Brasileira de Letras, o médico e escritor Moacyr Scliar, cujo último livro "O Texto, ou: A Vida" faz muito sucesso, chamou nossa atenção para uma efeméride de vital importância na cultura brasileira: a homenagem devida à memória do padre Antônio Vieira.
Em fevereiro de 2008, comemora-se o quarto centenário do seu nascimento, em Lisboa (Portugal), excelente pretexto para resgatar textos inéditos da sua obra, além da realização de eventos alusivos ao fato, no Brasil e em Portugal.
A vida e a obra do grande orador em nosso país têm sido objeto de muitos trabalhos literários, alguns produzidos com base nos nove anos em que ele viveu no Maranhão. Quem visita o convento das Mercês, em São Luís, pode conhecer o púlpito de onde Vieira falava ao povo, enunciando os seus admiráveis sermões.

 

EM TEMPO: O PADRE ANTONIO VIEIRA PREGAVA QUE TODO CRISTAO DEVIA PERGUNTAR A SI PROPRIO:

O QUE DEVO SABER?

O QUE POSSO FAZER? 

O QUE DEVO ESPERAR?

 


 

Escrito por dedeabel às 22h26
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

MACUNAÍMAS DOS SINDICATOS

JORNAL DE HOJE, VICENTE SEREJO:

ALIÁS

Tão cheio de heróis sem caráter que no mesmo Globo, na terceira página, uma reportagem mostra as mansões dos sindicalistas, e até avião, tudo por conta do gordíssimo imposto sindical.

Escrito por dedeabel às 22h11
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

CUIDADO COM QUEM VOCE FALA

VICENTE SEREJO, JORNAL DE HOJE:

RIDÍCULO

O ministro Carlos Alberto Direito, do STF, reclamou e obteve investigação para apurar e punir o funcionário que o chamou com um 'Ministro, psiu'. O Brasil foi inzoneiro, hoje é macunaímico.

Categoria: Direito
Escrito por dedeabel às 22h09
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

COITADOS DE NÓS, NORDESTINOS

POR

Falar em educação, está no Estadão: 'Quando o Brasil tiver educação de primeiro mundo, o Nordeste terá de terceiro'. Tem mais: isto só ocorrerá em 2022, nos 200 anos da independência'.

Escrito por dedeabel às 22h08
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

O PRECONCEITO PAIRA NO MUNDO

2. Um cientista diz que os negros são menos inteligentes. Um governador diz que pobreza gera violência. E um juiz mineiro diz que as mulheres devem ser submissas aos seus maridos. O preconceito paira no mundo, mas é muito mais perigoso quando parte de autoridades e formadores de opinião. Vamos gastar algum tempo conhecendo as idéias deturpadas dessas pessoas e questionando os concursos e eleições que os colocam no poder. Vale a pena ler este artigo, nem que seja para refletir um pouco.
O PSOL entrou com representação contra Eduardo Azeredo -- que acabou refutada pelos petistas, mais preocupados em ganhar apoio do PSDB para aprovação da CPMF. Neste artigo analisamos todo o caso do valerioduto, sua repercussão na mídia e outras questões importantes.
Mais dois capítulos de Injustiçados, com mais barbaridades jurídicas!
Leia em
http://www.tamoscomraiva.blogger.com.br/

Escrito por dedeabel às 22h01
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

CENSURA NA BLOGOSFERA?

SITES E BLOGUES




1. A gente já sabe que existe censura nos impressos, rádios e TVs. Mas a censura na blogosfera ainda é recente. Não duvidem que, em breve, ela vai ganhar dimensões monstruosas: até os próprios jornalistas são coniventes com a censura.
Nos dois últimos capítulos de Injustiçados, Ari Portilho resolve entrar na política e some por uns tempos dos jornais. Mas a corrupção continua firme e forte no judiciário mineiro.
Leia em
http://www.tamoscomraiva.blogger.com.br/

Escrito por dedeabel às 22h00
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

HISTÓRIA E CULTURA AFRO-BRASILEIRA

2.

HISTÓRIA E CULTURA AFRO-BRASILEIRA



Regiane Augusto de Mattos

Além da importância do tema e da qualidade do livro, destacamos o apoio da Unesco à publicação, que considerou a obra muito importante.
O livro chega no estoque no dia 08/11 e em seguida poderá ser encontrado nas melhores livrarias do país e nos sites da Livraria Cultura ou da Editora Contexto.
A lei nº 10.639 tornou obrigatório o ensino da história e cultura afro-brasileira nas escolas. Esse fato foi considerado um importante passo pelos movimentos de luta dos negros em todo o país. Guia esclarecedor e abrangente, pensado e elaborado de forma didática tanto para professores quanto para alunos, este livro vem preencher justamente essa lacuna. Com linguagem fácil, o que propicia uma leitura fluente, a obra mostra que, apesar dos obstáculos impostos pela escravidão no Brasil, os africanos e seus descendentes encontraram meios para se organizar e manifestar suas culturas e, assim, influenciaram profundamente a sociedade brasileira como um todo. Livro indicado para alunos e professores.
A autora


Regiane Augusto de Mattos é bacharel e licenciada em História pela Universidade de São Paulo (USP), onde obteve o título de mestre em História Social. É autora de artigos sobre os africanos no Brasil. Atualmente desenvolve tese de doutorado na USP sobre Moçambique e trabalha como educadora no Museu Afro-Brasil.

Preço: R$ 29,00 - Nº Págs.:224

Escrito por dedeabel às 21h58
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

UM VALIOSO DOCUMENTO HISTORICO

LIVROS E REVISTAS

1.


A presente coleção, dividida em doze fascículos que irão para as bancas e livrarias de quinze em quinze dias, descreve em detalhes as diversas fases daquele governo de exceção, a partir da noite de 31 de março de 1964 até a entrega da faixa presidencial a José Sarney, em março de 1985. Um volumoso e, modéstia à parte, valioso documento. Esse primeiro fascículo já está nas bancas e pode ser adquirido na Loja Virtual da Caros Amigos.
FONTE- www.boletimmineirodehistoria.blogspot.com

Escrito por dedeabel às 21h56
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

CAICO GANHARÁ ESCOLA TECNICA EM 2008

fatima_santana.jpgO município de Caicó deverá ganhar sua escola técnica em 2008. O anuncio foi feito ontem pelo engenheiro do CEFET, Carlos Guedes, que esteve reunido ontem no centro administrativo de Caicó com o prefeito da cidade, Bibi Costa.

Para o Rio Grande do Norte virão seis unidades do CEFET até o ano de 2010. A prefeitura de Caicó encaminhará brevemente à Câmara Municipal um pedido de doação de um terreno numa área situada no novo conjunto habitacional Nova Caicó para a construção da escola técnica.

A deputada federal Fátima Bezerra (na foto), do PT, que luta pela instalação do CEFET de Caicó será a entrevistada deste sábado, dia 10 de dezembro, no programa “Prá Frente Seridó” na Rádio Rural AM. O programa começa às 11 horas da manhã. Com certeza tratará sobre o assunto.

FONTE: TRANSCRITO DO BLOG DO ROBSON PIRES

Escrito por dedeabel às 19h20
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

DIOGO MAINARDI DESTILA SEU VENENO NO PROGRAMA DO JO

O Diogo Mainardi destilou o veneno ontem no programa do Jo Soares, na Tv Globo. A ultra direita arregimenta seus títeres. Um erro estupido é pensar que o Presidente da Republica é um superhomem. Pensar, por exemplo, que o Presidente pode acabar com a corrupcao, acabar com o trafico de drogas e acabar com a falta de vergonha que assola o País. Tudo depende de nós todos.

Considero o Diogo Mainardi um portavoz da ultradireita radical. Assim como o presidente da PHillips do Brasil, outro de ascendencia italiana, que afirmou que "se o Piauí sumisse do mapa, nao faria falta a ninguem". Sao opinoes negativas que em nada contribuem para o progresso.

 

Escrito por dedeabel às 08h37
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

06/11/2007


O BRASIL DAQUI ATE 2014

Uma idéia no lugar

Espetáculo em Zurique criou super-realidade que fundiu nacionalismo democrático da Copa de 1950 com o ufanismo de 1970

FRANCISCO ALAMBERT
ESPECIAL PARA A FOLHA

Paulo Coelho, Dunga, Ricado Teixeira, dona Marisa, Aécio, Martha Suplicy, Lula e Globo. Vai ter tanta simbologia assim em Zurique!

Para a alegria da galera e o deleite dos empresários e empreiteiros nacionais, a tropa da elite da nação trouxe a Copa de volta. Era o que precisávamos para acreditar que a modernidade nos deu uma segunda chance e que seremos amanhã a China que fomos anteontem.
O mito JK renascido em FHC e transmutado em Lula reviverá no mesmo Maracanã construído pelo sonho desenvolvimentista.

Com o milagre de Dunga (jogador cascudo que num passe de mágica se fez "professor" da maior seleção que este país terá) e a fé refeita no progresso dessa terra em que o Cristo Redentor é uma das maravilhas do mundo, o anjo vingador mudará a história.
Teremos a vingança de 1950, aquele momento em que o Brasil ia dar certo, mas perdeu a Copa por "culpa" de um brasileiro pobre, negro e de codinome Barbosa. O mago Paulo Coelho e o "baixinho" (ah, as maravilhas da proximidade) Romário -este o mago dos pequenos espaços (e das negociatas vascaínas) e craque globalizado- estavam lá para garantir que a mágica será completa.

Pelé não estava lá, mas você há de convir que ele é meio "modernista" demais (digamos que restará como uma das relíquias do getulismo). Nunca antes na história deste país o nacionalismo foi tanto uma idéia no lugar.
Desde o "gente que faz" tucano, passando pelo brasileiro que não desiste, pelas minisséries da Globo, pela alegria de Galvão Bueno, pelos índices em alta do Banco Central, pelos índices em baixa de criminalidade do governo paulista (sempre tão questionados, mas quem se importa?), pelo sucesso de Kaká e dos ronaldos, até a retomada do cinema "de qualidade": passadas as privatizações, voltamos a aceditar em nós mesmos de tal maneira que até empresários andam sacando a honra da nação para deter uma certa "invasão espanhola".
Mas quem somos nós? O livro "A Cabeça do Brasileiro" [de Alberto Almeida, ed. Record] e a revista "Veja" nos mostram que somos dois.
A elite educada é democrática (não sei se Luciano Huck fez faculdade, mas ele é educadinho e democrata), e o povo é um poço de atraso e preconceito (seria o caso de Ferréz, que é escritor, mas não fez faculdade, e escreve o que passa na cabeça de gente ignorante e bárbara) -e a esquerda não sabe de nada disso.

Andam nos dizendo todos os dias que o péssimo salário dos professores não tem nada a ver com a péssima qualidade de ensino. Até o diretor de "Tropa de Elite" [José Padilha] jura que pobreza não tem nada a ver com violência. A realidade é mais "complexa".
Mas o que é "realidade" para a elite e para a tropa? Uma pesquisa mundial da consultoria Nielsen mostrou que o Brasil (ao lado das Filipinas) é o país que mais acredita no que a publicidade diz que as coisas são. Somos fanáticos fundamentalistas da imagem manipulada: acreditamos nos comerciais assim como os talebãs acreditam em Alá.

Segundo a pesquisa, o "consumidor" brasileiro acredita mais na referência vinda da TV do que na de um amigo. Nossa cordialidade foi transferida para o departamento de marketing. A propaganda é o ópio da tropa e da elite (a pesquisa foi feita com internautas, e não com desdentados analfabetos).
E foi esse espetáculo, essa máquina de criar super-realidades, que vimos sacramentar em Zurique o casamento do nacionalismo da Copa de 50 com aquele da Copa de 70.
Uma pergunta "estrangeira" sobre violência quase estraga a festa. Mas tínhamos Ricardo Teixeira para defender as honras nacionais. Violência tem em qualquer lugar, ele responde a uma jornalista canadense (sic).
Mas o que ele não disse, e nem precisava, é que nosso novo nacionalismo se legitima de outra maneira: temos a elite pura (ainda que cansada), bem-pensante e democrática, a elite ex-sindical no governo, a elite do futebol mundial e agora também a "tropa de elite" da elite. O Brasil agora é um país de elite, e a nossa combinada ação elitista irá nos levar para dentro da elite mundial.
Mas e a realidade de Terceiro Mundo? Isso a propaganda não vende, portanto não existe, é só uma permanência do pensamento de esquerda que também já morreu.
Crença nas imagens da propaganda, nas virtudes da elite rica e letrada e nos deméritos do povo ignorante: tudo isso mais o nacionalismo tresloucado que assistimos na TV, altar da nossa fé, constituirá a lona que cobrirá esse circo de horrores e delícias que será o Brasil daqui até 2014.


FRANCISCO ALAMBERT é professor de história contemporânea e de história social da arte na Universidade de São Paulo.

Escrito por dedeabel às 21h20
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

LIVROS PARA ESTUDAR O MUNDO

+ lançamentos

Vida Dupla
256 págs., R$ 34,90
de Rajaa Alsanea. Tradução de Regina Lyra.
Nova Fronteira (r. Bambina, 25, CEP 22251-050, RJ, tel. 0/xx/21/ 2131-1111). Romance de estréia da escritora saudita radicada nos EUA. Passado nos dias atuais, este best-seller proibido em países islâmicos retrata os desejos de quatro mulheres sauditas.

A História do Brasil Explicada aos Meus Filhos
140 págs., R$ 24,90
de Isabel Lustosa. Agir (r. Nova Jerusalém,
345, CEP 21042-235, Rio de Janeiro, RJ, tel. 0/ xx/21/ 3882-8200).
A historiadora e pesquisadora da Fundação Casa de Rui Barbosa aborda de maneira introdutória a história do Brasil, do Descobrimento ao governo Lula.

O Espaço do Cidadão
176 págs., R$ 35
de Milton Santos. Edusp (av. Professor Luciano Gualberto, travessa J, 374, 6º andar,
Cidade Universitária, CEP 05508-900, SP,
tel. 0/xx/11/3091-4008).
Reedição da compilação de ensaios do geógrafo, alguns publicados na Folha. O ex-professor da USP trata de temas como alienação, individualismo e consumismo.

O Nascimento da Gramática Portuguesa
332 págs., R$ 40
de Marli Quadros Leite. Paulistana/ Humanitas (r. do Lago, 717, Cidade Universitária,
CEP 05508-080, SP, tel. 0/xx/11/ 3091-2920).
A professora livre-docente da USP reflete sobre a gramática portuguesa a partir das obras fundadoras de Fernão de Oliveira, de 1536, e de João de Barros, de 1540.

Arte e Política
256 págs., R$ 36
Miguel Chaia (org.). Azougue (praça Mahatma Gandhi, 2, salas 208-210, CEP 20031-100,
RJ, tel. 0/xx/21/ 2240-8812).
Pesquisadores do Núcleo de Estudos em Arte, Mídia e Política da PUC-SP relacionam arte e política a partir da obra de Shakespeare, Maquiavel e Allen Ginsberg, entre outros.

1789-1799 - A Revolução Francesa
216 págs., R$ 38
de Carlos Guilherme Mota. Ed. Perspectiva
(av. Brigadeiro Luís Antônio, 3.025, CEP
01401-000, SP, tel. 0/xx/11/ 3885-8388).
Reedição do estudo lançado em 1989 pelo professor titular aposentado de história contemporânea da USP. O autor investiga o movimento em detalhes, em todas as suas fases.

Chão de Terra e Outros Ensaios sobre São Paulo
192 págs., R$ 32
de Raquel Glezer. Alameda (r. Ministro Ferreira Alves, 108, CEP 05021-010, SP, tel. 0/ xx/11/ 3862-0850).
A professora de teoria da história da USP analisa o processo de formação histórica de São Paulo, detendo-se na questão da propriedade e da posse da terra.

O Mito da Cidade-Global
248 págs., R$ 35
de João Sette Whitaker Ferreira. Vozes (r. Frei Luiz, 100, CEP 25689-900, Petrópolis, RJ,
tel. 0/xx/24/ 2233-9000 ramal 9028).
O professor da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP critica o conceito da "cidade-global" e os efeitos da globalização no espaço urbano.

Criadores de Mantras
380 págs., R$ 40
de Anderson Braga Horta. Thesaurus (SIG, quadra 08, lote 2356, CEP 70.680-410, Brasília, tel. 0/xx/61/ 3344-3738).
O poeta e crítico literário mineiro traça um painel da poesia brasileira estudando a obra de nomes como Álvares de Azevedo, Cruz e Sousa e Carlos Drummond de Andrade.

Os Anos de Exílio do Jovem Mallarmé
176 págs., R$ 29
de Joaquim Brasil Fontes. Ateliê Editorial (estrada da Aldeia de Carapicuíba, 897, CEP
06709-300, Granja Viana, Cotia, SP, tel. 0/ xx/11/ 4612-9666).
O ensaísta examina manuscritos e textos de juventude do poeta simbolista francês (1842-1898), quando era professor em cidades do interior.

Escrito por dedeabel às 21h17
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

60 CURSOS DE DIREITO COM DESEMPENHO RUIM

EDUCAÇÃO

Ministério vai inspecionar 60 cursos de direito

DA SUCURSAL DE BRASÍLIA

O Ministério da Educação enviará uma comissão de especialistas a 60 cursos de direito com desempenho ruim no Enade (Exame Nacional de Desempenho de Estudantes).
Eles tiveram notas 1 e 2, numa escala de 1 a 5, no exame e no conceito IDD (Indicador de Diferença de Desempenho), que mede quanto conhecimento a instituição agregou ao aluno. Segundo o MEC, a comissão indicará medidas para os cursos e poderá recomendar sanções que, no limite, chegarão à suspensão de vestibulares.

No fim de setembro, 89 cursos foram notificados pelo ministério para dar um diagnóstico de seus problemas e sugerir melhorias. Apenas 23 deram respostas consideradas adequadas. Estes, em vez de visitas, assinarão um protocolo de compromisso com o ministério.
De acordo com o ministro Fernando Haddad, eles terão um ano para implementar as propostas, que vão desde melhorias na infra-estrutura até a redução de vagas nos próximos vestibulares.

Outros 25 cursos disseram ao MEC que consideravam não ter problemas -um chegou a argumentar que, por falta de sorte, seus piores alunos haviam sido sorteados para o Enade, feito por amostragem.
A Anup (associação das universidades particulares) reagiu à supervisão e ingressou com pedido de mandado de segurança. O MEC irá recorrer.

Categoria: Direito
Escrito por dedeabel às 21h07
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

PROCESSO CONTRA RONALDO CUNHA LIMA

Cabe à defesa cumprir decisão, diz líder tucano

DA SUCURSAL DE BRASÍLIA

Deputados federais reagiram com cautela e algumas críticas sobre os motivos que levaram quatro ministros do Supremo a votar pela manutenção do processo contra o ex-deputado Ronaldo Cunha Lima (PSDB-PB).

O líder da bancada do PSDB na Câmara, Antonio Carlos Pannunzio (SP), disse que cabe agora à defesa de Cunha Lima cumprir o que for decidido. "Havendo uma reversão daquilo que a estratégia da defesa imaginou, cabe agora aos advogados sustentarem os argumentos."
Ex-juiz federal, o deputado Flávio Dino (PC do B-MA), disse considerar um "equívoco" a possível decisão, já que daria motivo para que todas as outras ex-autoridades reivindicassem que seus processos, hoje na Justiça comum, tramitassem nos tribunais superiores.

"O foro só perdura durante o exercício do cargo. Esse precedente pode abrir espaço para a retomada da súmula 394 [revogada pelo STF no final dos anos 90], que estendia o foro para os ex-ocupantes do cargo. E isso é um retrocesso", disse Dino, para quem o STF pode, mesmo com boas intenções, criar situações contraditórias.

Categoria: Direito
Escrito por dedeabel às 21h01
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

QUE HAJA JUIZES CORAJOSOS E INDEPENDENTES

Tribunal da Paraíba rebate declarações de ministro do STF

Presidente do TJ diz que juízes do Estado são "conhecidos por seu saber jurídico, atuação livre, honrosa e exemplar"

Joaquim Barbosa afirmou "esperar que haja juízes corajosos e independentes" para julgar o ex-governador da PB Ronaldo Cunha Lima

FREDERICO VASCONCELOS
DA REPORTAGEM LOCAL

As declarações do ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Joaquim Barbosa mexeram com os brios do Judiciário paraibano. Barbosa disse "esperar que haja juízes corajosos e independentes, na Paraíba" para julgar o ex-governador Ronaldo Cunha Lima.

Em nota, o presidente do TJ-PB, desembargador Antônio de Pádua Lima Montenegro, "com o propósito de tranqüilizar" Barbosa, disse que sua declaração "em nada atinge a honorabilidade e a independência dos magistrados paraibanos".
Segundo Montenegro, os juízes paraibanos são "conhecidos por seu saber jurídico e por sua atuação livre, retilínea, honrosa e exemplar, cingindo-se apenas aos imperativos de sua consciência e entendimento".


"Como em Berlim, há juízes na Paraíba", disse Montenegro, parafraseando a história do moleiro de Potsdam, que se recusou a vender sua propriedade a Frederico 2º, o Grande, rei da Prússia, que desejava construir um palácio no local.
Ameaçado de despejo, o moleiro reagiu, dizendo confiar na Justiça: "Ainda há juízes em Berlim".

O presidente da Associação dos Magistrados da Paraíba, Marcos Salles, diz que "a decisão de manter o julgamento no Supremo tem efeito moralizante, para que o processo não seja instrumento de impunidade". Para ele, a renúncia de Cunha Lima "revela a necessidade de extinguir o foro privilegiado".

Cássio Cunha Lima, atual governador da Paraíba e filho de Ronaldo Cunha Lima, afirmara que a Justiça paraibana seria ágil. "É impossível calcular quando o ex-governador poderá ser levado, ou não, a julgamento", disse Salles. "Mas conhecendo como eu conheço a Justiça no país, comparando-se os padrões nacionais, a da Paraíba é relativamente ágil, pode ser equiparada à de Santa Catarina e à do Rio de Janeiro."

Escrito por dedeabel às 20h58
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

05/11/2007


OS FUTUROS PREFEITOS

Oliveira Wanderley:

 

Eleições 2008

Vivaldo prevê que sistema wilmista elegerá

a  grande maioria dos prefeitos seridoenses

 

O deputado estadual Vivaldo Costa fez uma projeção para 2008 nos vários municípios do Seridó durante sua entrevista ao programa Prá Frente Seridó.

 

De acordo com a projeção de Vivaldo, o sistema da governadora Wilma de Faria sairá vitorioso em quase todos os municípios.

 

Caicó – Roberto Germano ou Bibi Costa.

Serra Negra – Rogério Mariz.

São Fernando – Fernando Antônio Bezerra.

Jucurutu – Júnior Queiroz.

Jardim do Seridó – Edimar Medeiros

São João do Sabugi – Elisio Brito Galvão

Ipueira – Concessa Araújo.

Ouro Branco – Nilton Medeiros.

Timbaúba dos Batistas – Ivanildo Filho.

São José do Seridó – João Bosco Costa.

 

Foram os municípios citados por Vivaldo.

 

Em Currais Novos, Vivaldo frisou que o candidato da governadora será o atual prefeito José Lins.

 

Em Parelhas, o candidato que terá o apoio de Wilma será Formiga Preta, segundo garantiu o “papa”.  

Escrito por dedeabel às 19h04
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

LEITE COM SODA CAUSTICA E A AGUA OXIGENADA

1/3 do leite brasileiro não passa por fiscalização

A cada três litros produzidos, um, em média, é feito no mercado informal e não é tributado

O destino mais comum desse tipo de produto é ser transformado em queijo, que dura mais mesmo sem refrigeração adequada

Edson Silva/Folha Imagem
Produtor retira leite em fazenda na região de Uberaba (MG)



RENATA BAPTISTA
JOÃO CARLOS MAGALHÃES

DA AGÊNCIA FOLHA

A cada três litros de leite produzidos no Brasil, um, em média, é feito no mercado informal, não passa por fiscalização do governo e não é tributado.
Por não pagar impostos e gastar pouco com equipamentos para a conservação do leite, os produtores informais conseguem vendê-lo por preço abaixo do de mercado.

A produção de leite no Brasil foi colocada em xeque após a Polícia Federal prender 28 pessoas acusadas de adulterar o produto, adicionando substâncias impróprias como soda cáustica e água oxigenada.
Dados da Leite Brasil (Associação Brasileira dos Produtores de Leite) mostram que, dos 26 bilhões de litros de leite obtidos anualmente no país, ao menos 9 bilhões (34%) não obedecem a instrução normativa nº 51, de 2002, do Ministério da Agricultura, que estabelece critérios de qualidade.

Escrito por dedeabel às 07h18
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

SUPREMO SUPRE A OMISSAO DO LEGISLATIVO

FOLHA SP:

Ativismo judiciário

Dentro de sua atribuição, Supremo muda atitude e passa a intervir mais na sociedade e a suprir a omissão do Legislativo

NO ESPAÇO de poucas semanas, o Supremo Tribunal Federal (STF) ganhou manchetes ao tomar decisões polêmicas que implicaram a criação de regras não-explícitas na legislação. A primeira foi o estabelecimento da fidelidade partidária. Agora a corte impôs limites às greves de servidores públicos. Outras decisões do mesmo tipo podem estar a caminho.
Esse novo ativismo judiciário contrasta com a história da corte. Até recentemente, quando se deparava com a ausência de norma jurídica, o STF limitava-se a declarar a omissão do Legislativo, sem definir regras.

Embora grupos conservadores torçam o nariz, essa não é uma tarefa estranha ao Judiciário. Interpretar já é em alguma medida reescrever a lei. No mais, a jurisprudência constitui em todos os sistemas judiciais do Ocidente fonte legítima de inovação.
No caso específico do ordenamento jurídico brasileiro, o inciso LXXI do artigo 5º da Constituição estabelece: "Conceder-se-á mandado de injunção sempre que a falta de norma regulamentadora torne inviável o exercício dos direitos e liberdades constitucionais e das prerrogativas inerentes à nacionalidade, à soberania e à cidadania".
Tal mecanismo, importado do direito anglo-saxão, que permite a magistrados criar normas provisórias quando o Legislativo deixa de fazê-lo, chegou a ser apontado como uma das grandes novidades da Carta de 88. Na prática, porém, muito por timidez das cortes superiores, o mandado de injunção vinha sendo utilizado com parcimônia.

Mas a decisão do Supremo sobre a greve de servidores ocorreu no curso de um pedido de injunção. Tramitam no STF 53 dessas ações. Em breve deverão ser julgados o aviso prévio superior a 30 dias e a aposentadoria especial de servidores, para os quais faltam normas legais.
A nova atitude da corte tem origem política. Além de ter passado por grande renovação -nos últimos cinco anos, o presidente Lula indicou 7 dos 11 ministros-, consolidou-se na sociedade a percepção de que o Legislativo se furta à sua responsabilidade de produzir leis. De fato. Passados 19 anos da promulgação da Carta, que exige a regulamentação do direito de greve de servidores, o Congresso não o fez.
Como a sociedade não pode funcionar sem determinadas normas, o vácuo legal começa a ser preenchido pelo Supremo -o que é em princípio positivo. A concorrência tende a pôr o Legislativo para trabalhar.

Daí não segue que as decisões das cortes serão sempre consonantes com os anseios da população -o Judiciário não é um Poder eleito. Há até mesmo o risco de o ativismo do STF contaminar outras cortes e produzir monstrengos como a decisão da Justiça Eleitoral fluminense de vetar candidatos vagamente acusados de "crimes graves" no pleito do ano que vem.
Diga-se, a propósito, que o excesso de declarações públicas sobre todo e qualquer assunto por parte de alguns magistrados não contribui para que se crie o clima adequado a uma Justiça mais ativa. Se a corte máxima está falando com mais ímpeto nos autos, deveria redobrar o cuidado e portar-se com maior continência fora deles.

Categoria: Direito
Escrito por dedeabel às 07h14
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Brasil e Venezuela: estabilidade desejada

"Fator Chávez" estimula liberação de verba militar

Compra de armas na Venezuela motiva as Forças brasileiras a pedir mais investimentos

Proposta de orçamento do Ministério da Defesa prevê aumento de R$ 6,9 bilhões para R$ 9,1 bilhões em 2008; FAB negocia helicópteros

Evaristo Sá - 16.dez.2005/France Presse
Chávez e Lula inauguram refinaria em Recife (PE), em 2005


IGOR GIELOW
SECRETÁRIO DE REDAÇÃO DA SUCURSAL DE BRASÍLIA

As Forças Armadas brasileiras não têm condições de enfrentar guerras de forma efetiva e consideram a Venezuela de Hugo Chávez a principal ameaça à estabilidade regional. O cenário, com tons mais ou menos alarmistas, não é uma novidade. De repente, contudo, o assunto ganhou urgência.
O presidente Lula falou sobre a necessidade de reequipamento, o Ministério da Defesa aponta fraquezas estratégicas, a FAB diz que não pode voar nem 40% dos seus aviões, a Marinha confessa sua inoperância e um dos principais aliados do governo, o senador e ex-presidente José Sarney (PMDB-AP), aponta o dedo diretamente para a "ameaça chavista".

Escrito por dedeabel às 07h11
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

02/11/2007


EPITAFIO

 

Escrito por dedeabel às 09h39
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

BOLETIM DE 02 DE NOVEMBRO DE 2007

BOLETIM SERIDOENSE - 02 DE NOVEMBRO DE 2007

MPB, ELECTRO-ROCK E JAZZ

MANOBRAS JURIDICAS PODEM LIVRAR CUNHA LIMA DE PENA

PRESIDENTE LULA QUER COPA NO BRASIL E PODE SER CANDIDATO

CRIANCAS E O USO DA INTERNET

CIBERESPIA CACA PEDOFILO NA REDE

PUNICAO PARA COMERCIO ILEGAL

RADIO CAICO ESTREIA NOVA PROGRAMACAO, por Thaisa Galvao

CARTA ABERTA DA ASSOCIACAO DE MUNICIPIOS DO SERIDO

CARNEIRINHO ESPORTIVO E A CLASSIFICACAO ATUAL DA COPA RN

BARRAGEM DA OITICICA EH PRIORIDADE DOS PREFEITOS SERIDOENSES

BRADESCO E PREFEITURA DE CAICO UNIDOS NA REELEICAO DE BIBI COSTA, por Josenildo Carlos

PREVISOES POLITICAS NO OESTE DO RN

 

 

 

 

 

 

Escrito por dedeabel às 01h49
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

MPB ELECTRO-ROCK E JAZZ

CDs

MPB
Quando o Céu Clarear
FABIANA COZZA
Gravadora:
Eldorado; Quanto: R$ 25, em média; Avaliação: ótimo
Depois da boa recepção que teve seu disco de estréia, "O Samba É Meu Dom", Fabiana Cozza poderia optar por um caminho mais palatável, que a assegurasse como mais uma boa nova cantora. Mas a paulista foi corajosa e aprofundou sua aposta nas canções de ascendência afro, o que fortalece sua identidade -e a distancia do cânone comercial. O resultado é coeso, reunindo sambas-de-roda do baiano Roque Ferreira ("Incensa", a faixa-título), criações de jovens paulistas ("Mestre-sala", "Novo Viver") e obras de gênios cariocas como Dona Ivone Lara/Delcio Carvalho, Baden Powell/Vinicius de Moraes, João Bosco/Aldir Blanc/Paulo Emílio.
POR QUE OUVIR: ao contrário de outras, Cozza põe a técnica a serviço de muita emoção.
(LUIZ FERNANDO VIANNA)

Electro-rock
Cross
JUSTICE
Gravadora:
Warner; Quanto: R$ 35, em média; Avaliação: bom
A dupla Justice ganhou as pistas do mundo há alguns anos, com o remix "Never Be Alone", de uma música do Simian. Neste 2007, repetem a dose com "D.A.N.C.E.", faixa que entra nos sets de DJs de rock, electro e house e que já ganhou mais de uma dezena de remixes e que está neste primeiro disco do duo. E este é o grande mérito da dupla francesa -com sintetizadores pesados e riffs de respeito, faixas como "Stress", "Phantom" e "Waters of Nazareth" desafiam rótulos. Mas uma coisa que incomoda é o uso incessante de timbres "sujos" nas batidas, algo que aparece em 99% das faixas de electro-rock.
POR QUE OUVIR: A dupla não quer apenas fazer dançar -quer que você pule e grite. E eles conseguem.
(THIAGO NEY)

Jazz
You Are There
ROBERTA GAMBARINI & HANK JONES
Gravadora:
Universal; Quanto: R$ 30, em média; Avaliação: bom
Se você foi um daqueles que amargaram a falta da italiana Roberta Gambarini no Tim Festival, pessimamente substituída pela sueca Lisa Ekdahl, pode ter uma idéia de como aquela noite teria sido bem melhor ouvindo este CD. Basta dizer que Gambarini é uma seguidora do estilo clássico e elegante de Ella Fitzgerald. Afinadíssima, com dicção perfeita, canta sem afetação, valorizando as letras e melodias. Seu disco de estréia, em duo com o piano sofisticado de Hank Jones, é quase um recital, recheado de pérolas da canção norte-americana assinadas por Duke Ellington, Irving Berlin e Johnny Mandel, entre outros.
POR QUE OUVIR: Gambarini ainda arrisca pouco, mas é uma cantora de jazz de primeira linha. Pode até virar estrela.
(CARLOS CALADO)

Escrito por dedeabel às 01h32
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

MANOBRAS JURIDICAS DE CUNHA LIMA

Manobras jurídicas podem livrar Cunha Lima de pena

Ex-deputado que atirou em adversário será julgado em tribunal do júri na Paraíba

A data máxima para que o crime seja declarado prescrito é 2012; tucano renunciou à Câmara para evitar julgamento no STF

SILVANA DE FREITAS
DA SUCURSAL DE BRASÍLIA

O ex-deputado Ronaldo Cunha Lima (PSDB-PB) deverá ser julgado por tribunal do júri na Paraíba, onde aposta na absolvição. Mesmo que seja condenado por tentativa de homicídio, ele poderá se livrar da pena se tiver êxito em novas manobras jurídicas até 2012, data máxima para que o crime seja declarado prescrito.

Desde 1993, quando deu dois tiros no ex-governador Tarcisio Burity, seu adversário político, ele recorreu a estratégias à sua disposição como o foro privilegiado e a imunidade parlamentar, para protelar o andamento do processo e impedir que ele chegasse ao fim.
O ex-deputado renunciou anteontem ao mandato, por receio de ser condenado pelo STF, que o julgaria na segunda-feira. Ainda no mandato, que lhe garantia foro privilegiado nesse tribunal, ele solicitou o envio do processo para júri em João Pessoa, alegando ser acusado de crime contra a vida, mas o pedido foi negado.

O cálculo da prescrição depende da pena a ser fixada e da idade do réu -o prazo cai para a metade quando a pessoa tem mais de 70 anos.
No caso de Cunha Lima, 71, o crime estará prescrito no máximo em 2012, dez anos depois da abertura do processo no STF (Supremo Tribunal Federal), segundo o advogado criminalista Nabor Bulhões, que atuou nesse processo como assistente de acusação. Se condenado pelo júri, ele poderá recorrer a várias instâncias, inclusive ao Supremo.

Andamento
Ele se beneficiou duas vezes de apoio político para barrar o curso do processo judicial. Em 1994, a Assembléia Legislativa da Paraíba negou licença para que o STJ (Superior Tribunal de Justiça) processasse o então governador Cunha Lima.

Em 1999, após quatro anos de silêncio, o Senado rejeitou pedido de licença para que o STF abrisse o processo contra o então senador. A ação penal só foi instaurada após uma emenda constitucional dispensar esse aval do Congresso.
Procurado pela Folha, o presidente da AMB (Associação dos Magistrados Brasileiros), Rodrigo Collaço, defendeu o fim do foro privilegiado, dizendo que ele favorece a manobra.
"Essa renúncia mostra a contradição do foro privilegiado. Se o STF ou o STJ põe em pauta, o foro deixa de ser interessante para a autoridade. Ele permite manobras desse tipo", disse Collaço.

O presidente da ANPR (Associação Brasileira dos Procuradores da República), Antonio Carlos Bigonha, concorda com o fim do foro privilegiado. Bigonha protestou contra a ampliação do foro para ações de improbidade e sua extensão para ex-autoridades, previstas em emenda constitucional que tramita na Câmara. "Somos radicalmente contra essa proposta", afirmou.

Covardia
A viúva do ex-governador Tarcísio Burity -que morreu em 2003 em razão de infarto no miocárdio-, Glauce Burity, qualificou a renúncia de Ronaldo Cunha Lima ao mandato na Câmara como "covarde".
"Se ele alega que foi inocente, por que teve medo de enfrentar o julgamento no Supremo? Preferiria que ele fosse julgado pelo STF, porque é de âmbito federal e porque agora vai demorar até ser anunciado novo julgamento", afirmou.

Categoria: Direito
Escrito por dedeabel às 01h25
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

ESTA COPA...


Escrito por dedeabel às 01h22
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

PRESIDENTE QUER A COPA NO BRASIL

Steffen Schmidt/Efe
O presidente Lula com a Taça Fifa na Suíça

Escrito por dedeabel às 01h20
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

www.denunciar.org.br

Crianças devem usar internet em área comum da casa, diz psicólogo

GUSTAVO VILLAS BOAS
DA REPORTAGEM LOCAL

Para o psicólogo da SaferNet (www.denunciar.org.br), Rodrigo Nejm, as crianças devem ser instruídas dos riscos e das armadilhas na internet por meio do diálogo. "Censura não é o ideal. Mesmo que os pais utilizem o melhor filtro de conteúdo, a criança vai usar a internet da escola ou da casa de um coleguinha", pondera.
A SaferNet é uma ONG que recebe denúncias de crimes contra os direitos humanos na rede e faz orientações.
"Em casa, o ideal é que o computador pelo qual o filho acessa a rede fique em uma área comum e nunca no quarto", diz Nejm.

Para quem tem webcam, a criança deve ser instruída a nunca abrir as imagens para um desconhecido. Ele conta que existem pedófilos que se passam por pessoas da mesma idade e, depois de conseguir algo mais comprometedor, chantageiam as vítimas para obter imagens de caráter sexual.

Escrito por dedeabel às 01h17
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

PROGRAMAS PARA MONITORAR REDE

Segurança / ENTREVISTA

LAURA CHAPPELL

Ciberespiã caça pedófilo na rede

Usando disfarces virtuais, especialista entra em salas de bate-papo para atrair predadores a armadilhas concretas

Leonardo Wen/Folha Imagem
A especialista em segurança Laura Chappell e a tela de seu notebook, que está carregado com programas para monitorar redes

Escrito por dedeabel às 01h16
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

PUNICAO PARA O COMERCIO ILEGAL

PIRATARIA:

PARA ADVOGADA, É PRECISO PUNIR COMÉRCIO ILEGAL

O artigo 184 do Código Penal regula o direito autoral e determina que pirataria está sujeita a prisão e multa. A advogada de direito digital Patrícia Peck comenta que para combater essa prática é preciso renovar as características de negócio e punir quem faz o comércio ilegal. "Hoje a pessoa não quer comprar o CD inteiro. A indústria tem de repensar seu modelo de venda", diz.

Escrito por dedeabel às 01h14
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

01/11/2007


RADIO CAICO ESTREIA NOVA PROGRAMACAO

THAISA GALVAO:

 

Programação moderna muda a cara da Rádio Caicó a partir de hoje

 

A blogueira caicoense Suerda Medeiros, que também é radialista, lança hoje a nova programação da Rádio Caicó.

E além de apresentar o programa-revista “Muito Mais Você”, que vai ao ar de segunda a sexta, das 8 às 11 da manhã, Suerda assinará como diretora da rádio AM.

Que passou por uma reforma radical, desde o prédio, até a estrutura de equipamentos.

 

No programa de Suerda, além da Crônica do Dia, do Doutor no Assunto, do Mestre Kuka e de notícias quentes, o quadro “Radio Caicó Bate à Sua Porta” levará ouvintes a fazer compras de graça num supermercado...

 

A rádio, que terá três programas informativos diários, contratou o também blogueiro seridoense Marcos Dantas, para comemorar um jornal das 6h30 às 7h30.

Outro blogueiro-radialista, F.Gomes comandará diariamente o Comando Geral, das 11h às 14h.

 

Sem falar nos estudantes universitários selecionados para apresentarem programa sobre cidadania todos os sábados... dos integrantes de Ongs e clubes de serviços com o programa Caicó Voluntários...das notícias do mercado, uma vez por semana, com a Associação Comercial, CDL e Sindicato do Comercio sendo destaque no “Desenvolvimento em Foco”...

 

E a grande novidade da Rádio Caicó será o programa de auditório, das 19h às 22h dos sábados.

Terão espaço no auditório moderno, construído para 50 pessoas, os ouvintes que participarem da programação da emissora durante a semana...

 

Boa sorte aos comunicadores de Caicó, pelo sucesso da nova rádio.

Escrito por dedeabel às 00h57
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

CARTA ABERTA DA AMS DEFENDE O SERIDO

TUDO COMO DANTES.

Escrito por Samuel Junior

Associações municipais do Seridó defendem a região

Uma carta aberta dos municípios do Seridó divulgada hoje no Diário de Natal, só vem demonstrar a importância das associações municipais para a defesa dos seus interesses.

Na carta é externada a preocupação com a possibilidade da região do Seridó deixar de ser contemplada por emenda coletiva ao Orçamento Geral da União.

A carta aberta foi uma iniciativa da Associação dos Municípios do Seridó – AMS, Associação dos Municípios da Micro-região do Seridó Ocidental – AMSO e Agência de Desenvolvimento do Seridó – Adese.

Enquanto isso... no Vale do Açu... tudo continua como dantes no quartel de Abrantes.

Escrito por dedeabel às 00h54
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

COPA RN 2007

Fonte: Carneirinho Esportivo

Copa RN 2007 (Resultados e classificação)

31/10 20:30 Natal 16 Alecrim 3 X 2 Santa Cruz Súmula do jogo Borderô do jogo
31/10 20:30 Alto do Rodrigues 17 Macau 0 X 1 Corintians Súmula do jogo Borderô do jogo
31/10 20:30 Assú 18 ASSU 1 X 1 Potiguar-M Súmula do jogo Borderô do jogo

GRUPO Chave A
Clube PG J V E D GP GC SG
Alecrim 7 4 2 1 1 7 8 -1
América 6 2 2 0 0 8 1 7
ABC 4 3 1 1 1 3 6 -3
Santa Cruz 0 3 0 0 3 4 7 -3
GRUPO Chave B
Clube PG J V E D GP GC SG
Baraúnas 10 4 3 1 0 8 3 5
ASSU 8 5 2 2 1 11 6 5
Potiguar-M 6 5 1 3 1 5 5 0
Corintians 4 5 1 1 3 4 9 -5
Macau 3 5 0 3 2 5 10 -5

GERAL
Clube PG J V E D GP GC SG
Baraúnas 10 4 3 1 0 8 3 5
ASSU 8 5 2 2 1 11 6 5
Alecrim 7 4 2 1 1 7 8 -1
América 6 2 2 0 0 8 1 7
Potiguar-M 6 5 1 3 1 5 5 0
ABC 4 3 1 1 1 3 6 -3
Corintians 4 5 1 1 3 4 9 -5
Macau 3 5 0 3 2 5 10 -5
Santa Cruz 0 3 0 0 3 4 7 -3

Escrito por dedeabel às 00h33
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Prefeitos do Seridó elegem Barragem das Oiticicas como prioridade

Prefeitos do Seridó elegem Barragem das Oiticicas como prioridade
 
 MARCOS DANTAS

Alguns prefeitos do Seridó estiveram reunidos no final da manhã de hoje (01), na sede da Associação dos Municípios do Seridó. A reunião contou com a presença dos prefeitos Bibi Costa (Caicó), Edimar Medeiros (Jardim do Seridó), João Batista (Cerro Corá), Antônio Petronilo (Parelhas), José Lins (Currais Novos), Juarez Bezerra (Acari) e Ivanildo Filho (Timbaúba dos Batistas).

Os prefeitos discutiram os pleitos que integrarão o documento que será entregue à Bancada Federal do RN. Os administradores não estão satisfeitos com a forma como a região do Seridó vem sendo tratada pela bancada.

Uma das prioridades no pleito será a construção da Barragem das Oiticicas, integrando o Canal de bacias do Seridó e cerca de três ou quatro aterros sanitários que serão construídos em sistema e consórcio entre os municípios.

Escrito por dedeabel às 00h29
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

PREFEITOS PRIORIZAM A QUESTAO DA AGUA

Prefeitos do Seridó querem construção de adutoras

 POR JOSENILDO CARLOS

                     Prefeitos reunidos em Caicó

 

Parte dos prefeitos da região do Seridó esteve reunida hoje (1), em Caicó, para discutir proposta de emenda coletiva ao Orçamento Geral da União de 2008. Eles decidiram propor aos parlamentares uma emenda que destine recursos ao Programa de Adutoras do Estado para a região Seridó. E ficou acordado que as cidades de Currais Novos e Carnaúba dos Dantas terão prioridades na construção de adutoras para solucionar o problema de abastecimento de água que ora vivem.

 

Os prefeitos estavam preocupados com a ausência de emendas coletivas destinadas à região, haja vista que a bancada de parlamentares se reuniu com a governadora Wilma de Faria recentemente e nenhuma emenda para o Seridó foi escolhida.

 

Entre as prioridades discutidas para a região foram sugeridas emendas para a construção da barragem das Oiticicas, para o canal de integração das bacias do Seridó e para três ou quatro aterros sanitários construídos em sistema de consórcio entre os municípios. Mas em consenso os prefeitos acabaram optando pela construção de adutoras.   

 

Estiveram presentes à reunião os prefeitos Juarez Bezerra (Acari), Ivanildo Filho (Timbaúba dos Batistas), Zé Lins (Currais Novos), Edimar Medeiros (Jardim do Seridó), Bibi Costa (Caicó), João Batista (Cerro-Corá),Paulinho, Emídio (São Fernando), Antonio Petronilo (Parelhas) e Galvão Freire, presidente da Agência de Desenvolvimento do Seridó.

Escrito por dedeabel às 00h27
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

PREFEITURA E BRADESCO UNIDOS EM CAICO

 

 

Bibi Costa terá R$ 1,5 milhão a mais para gastar em obras

 JOSENILDO CARLOS

 

O banco Bradesco depositou hoje (1), na conta da Prefeitura de Caicó, a quantia de R$ 1,5 milhão. O dinheiro é referente ao pagamento pelo direito de poder movimentar todos os recursos financeiros da Prefeitura pelos próximos cinco anos. O banco também ganhará cerca de 1.200 novos clientes, que são os funcionários municipais. O Bradesco abrirá uma agência nas dependências do Centro Administrativo para atender a nova clientela. É um valor considerável que chega ao caixa da Prefeitura de Caicó. E um reforço e tanto ao projeto de reeleição do prefeito Bibi Costa (PR).

Escrito por dedeabel às 00h26
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

PREVISOES POLITICAS NO OESTE

TONI MARTINS ANALISA

 

No Vale

PMDB tenta ganhar prefeituras em 2008

 

Continuando a análise sobre a geografia partidária da região, podemos ver que o PMDB é hoje um partido esfacelado.

 

Em Porto do Mangue, o prefeito Chico Pereira, eleito com o apoio do PMDB tradicional, defecou o partido e abriu vela rumo ao PSB.

Coube então aos “bacuraus” assumir a oposição e já estão com a trincheira preparada para a batalha do próximo ano. Sem a liderança de Zé Domingo, o atual prefeito terá dificuldades para frear a onda verde na cidade.

 

Já em Macau aconteceu o inverso. O prefeito Flávio Veras foi eleito pelo PP, mas trocou a legenda pelo PMDB. Entre uma liminar e outra vai se segurando no cargo, mas pode cair a qualquer momento. Mesmo assim, trabalha sua reeleição.

 

Em Pendências, os opositores liderados pelo peemedebista Ivan Padilha ameaçam tomar a prefeitura no próximo ano.

 

Em Assu, o PMDB tá como um sabugo na água. Zeca Abreu, o vice de Ronaldo, abriu do sistema governista ao qual se manteve por longos anos. Outra ala do partido se mantém agarrado nas tetas da prefeitura.

 

O partido tem de escolher pra onde vai...

 

Em Carnaubais, o PMDB está isolado  

 

Hoje, dos doze partidos existentes no município, pelo menos dez estão declaradamente no campo oposicionista e não querem nem conversa com o prefeito Zenildo, do PMDB.

 

A tendência é o prefeito ficar isolado sem ter com quem poder contar.

 

O aliado que tinha como certo era o PV, mas o atual presidente do partido diz que a coisa mudou. Apesar de ter em seus quadros alguns secretários do prefeito filiados, a atual Comissão Provisória decidiu que o partido segue fazendo oposição incondicional.

 

Definitivamente, o sistema governista municipal caiu no descrédito. Alguns ex-aliados, inclusive vereadores, romperam e são ferrenhos adversários.

 

Até mesmo seus correligionários fazer críticas a administração. A maioria com quatro ou cinco meses de salários atrasados, vivem sem ânimo e não defendem o prefeito, pelo contrario, fazem até coro ao discurso da oposição.

 

Mesmo assim, isolado e desacreditado, Zenildo não abre mão de concorrer à reeleição.

RodapéZenildo mostra-se acintoso igual a seu correligionário, Renan Calheiros, que não se dá conta do estrago que provocou ao país com sua teimosia em permanecer no cargo de onde será definitivamente “cuspido”.

Categoria: Oeste
Escrito por dedeabel às 00h22
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]



Perfil

Meu perfil
BRASIL, Nordeste, CAICO, Centro, Homem, Portuguese, Arte e cultura, Política
MSN -

Histórico